8 dicas práticas para montar um pet shop de sucesso

Como montar um pet shop de sucesso

O ramo de pet shop está em alta e por isso, há muitas possibilidades de crescimento para quem está empreendendo neste mercado. Por isso, montar um Pet Shop de sucesso, pode ser mais simples do que você imagina.

As perspectivas deste tipo de negócio dar certo são realmente favoráveis. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), menos de 10% dos empreendimentos do segmento de pet shops decretam falência antes dos dois anos de existência.

Um dos maiores fatores de sucesso deste segmento é a forte união entre os “mascotes” e seus donos. Sendo assim, os tutores de animais levam muito a sério qualquer “fator” relacionado aos seus “bichinhos” de estimação. E devido a isso, o faturamento dos Pet Shops se tornou muito atraente para muitos empreendedores, principalmente quando o empresário sabe como conduzir seu negócio. O faturamento é uma das maiores motivações para se montar um Pet Shop. Conheça um pouco sobre o mercado e como você pode iniciar seu negócio em 8 passos:

Faturamento do Mercado de  Pet shop

De acordo com o  DATAMARK – Market Inteligence Brasil, o faturamento do mercado de Pet Shop foi de quase R$ 18 bilhões em 2015. Isto representa um crescimento do mercado no percentual de 7,4% em relação a 2014 (dados Abinpet). Segundo o mesmo instituto, o Brasil também ocupa a 2ª colocação mundial em faturamento com pets. Certamente, são vários motivos para se montar um Pet Shop de sucesso, não acham?

Alguns dados muito relevantes sobre o faturamento dos Pet Shops:

CVA Solutions, realizou uma pesquisa onde foram ouvidos 3.782 donos de cães e 2.206 donos de gatos em todo o País. Segundo a pesquisa temos as seguintes informações:

  • Donos de cães gastam em média R$ 231/mês, sendo:
    • R$ 129 com alimentação
    • R$ 102 com banho e tosa.
  • donos de gatos gastam em média R$ 187/mês, sendo:
    • R$ 112 com alimentação
    • R$ R$ 75 com areia sanitária.

Fonte: DATAMARK

Primeiros passos para montar um Pet Shop de sucesso:

  • Plano de negócios

Primeiro de tudo, é preciso planejar o negócio. Definir um plano de negócios é um dos primeiros passos a ser dado pelo empreendedor que deseja montar um Pet Shop de sucesso. Por meio dele, é possível obter uma visão dinâmica e detalhada do negócio e do setor. Esse documento servirá como alicerce para que um planejamento estratégico seja feito, evitando os desperdícios de recursos.

Além disso, é com o plano de negócios que o empreendedor terá uma visão definida e clara do que precisa fazer para ser um diferencial no mercado. Também mostrando sobre a atuação da concorrência e dos investimentos que serão realizados.

  • Investimentos Necessários para iniciar um Pet Shop

A princípio, seguindo todas as normas e regras para o segmento, um investimento em torno de R$ 30.000,00 é o que você vai precisar para ter um Pet Shop com uma infraestrutura básica e simples para o funcionamento.

No entanto, se você decidir inovar tanto em infraestrutura como em equipamentos de última geração, seu investimento inicial pode variar entre R$ 200.000,00  e R$ 500.000,00. Tudo isso vai depender dos produtos e serviços oferecidos, do local onde será o estabelecimento e do nível de sofisticação que você pretende apresentar ao seu público alvo.

Exigências legais para montar um Pet Shop

Existem alguns procedimentos básicos para montar um Pet Shop de sucesso. E, esses envolvem o apoio de um contador, que será o especialista recomendado para:

  1. Definição do tipo de sociedade da empresa, além de seu nome e criação do contrato social;
  2. Ajudar com o registro na Junta Comercial da cidade selecionada;
  3. Dar suporte da inscrição do CNPJ na Receita Federal;
  4. Registro no Sindicato Patronal;
  5. Inscrição na Prefeitura para conseguir o alvará de localização;
  6. Registro na Secretaria da Fazenda.
  7. Registro no Departamento de Defesa Animal

Para essa etapa, o mais indicado é a contratação de uma assessoria contábil especializada em contabilidade para pet shop e deixar que eles cuidem da parte legal e burocrática do empreendimento para você. Essa equipe pode lhe dar apoio em diversos assuntos como a elaboração do plano de negócio, o melhor regime tributário, contrato social, normas legais para abertura de um pet shop e outros. Portanto, se você deseja ficar tranquilo com essa parte do negócio, o mais indicado é buscar uma equipe especialista no assunto.

Como deve ser a infraestrutura

Para montar um Pet Shop de sucesso da maneira correta, também será preciso escolher um imóvel adequado, construído em material que proporcione a manutenção de um ambiente seco e muito ventilado. É importante também que o ambiente esteja de acordo com as necessidades estruturais mínimas recomendadas. Dessa forma você irá prezar pela acomodação e segurança dos profissionais e também pelo cuidado e higiene dos bichos.

  • Piso impermeável para a sala de banho e também para toda a loja
  • Sala de tosa e secagem.
  • Sala para atendimento clínico (optativo para os casos em que há esse serviço veterinário).
  • Sala de cirurgia (optativo).
  • Instalação para o abrigo dos animais.

Alguns equipamentos e acessórios também serão necessários, para que o pet shop funcione de maneira otimizada, tendo todo o suporte para atendimento dos animais. Nós listamos os principais nesse post “Acessórios e equipamentos para pet shop – veja a lista completa”.

Equipe de trabalho

artigo 3º do Decreto nº 40.400/1995 determina a obrigatoriedade de um responsável técnico em Pet Shops, feiras de venda ou adoção e exposições de animais.  Portanto, em cada Pet Shop, é obrigatório a presença de um médico veterinário como responsável pelo estabelecimento.

Portanto a equipe de trabalho pode constituir-se de:

  • Veterinários – responsáveis por fazer consultas e atendimentos clínicos ou cirúrgicos, a depender da necessidade do animal.
  • Tosadores e/ ou banhistas – se o pet shop for pequeno e não houver grande escala de tosa e banho, o tosador pode dar conta do recado, no entanto, se a clientela é extensa e a demanda alta, é preciso de tosadores e banhistas que podem ser contratados por valores fixos ou por comissionamento.
  • Atendentes– são responsáveis por recepcionar clientes, fazer agendamentos, marcar consultas, vender produtos e outra série de funções no auxílio do pet shop.

Produtos e Serviços que você pode oferecer em seu Pet Shop

Saber o que se vai oferecer ao público alvo quando se pensa em empreender é algo fundamental para o sucesso do empreendimento. Ao pensar em montar um Pet Shop não é diferente. O empreendedor deve ter muito bem definido os produtos e os serviços que serão oferecidos aos donos de pets. Esses serviços podem ser divididos em 4 categorias:

  • Serviços Veterinários, também chamados de Pet Vet;
  • Cuidados para o animal, denominados Pet Care;
  • Alimentação para animais, chamados Pet Food;
  • Dentre outros serviços, denominados Pet Serv.

Conclusão

Realmente olhando os dados observamos que o mercado pet é muito atrativo para se empreender. Porém, ao decidir montar um Pet Shop você precisa ser um empreendedor antenado ao mercado. Acima de tudo, é preciso saber encontrar oportunidades de se diferenciar da concorrência do segmento, que não é pouca.

Olhando 8 passos ficou claro como é fundamental um bom planejamento para começar a empreender no ramo de pet shops. Um fator decisivo para montar um pet shop de sucesso, é contar com um programa para pet shops. Com ele você consegue fazer a gestão completa do seu pet shop, desde o cadastro de tutores e animais até o controle da agenda de serviços como o banho e tosa.

Post Original – Montar um Pet Shop: 8 dicas que provam ser mais fácil do que você imagina

Agora que você viu as 8 dicas, quais são as suas dúvidas? Deixe seu comentário, e nos conte seus questionamentos e expectativas para o segmento. Não deixe de conferir esse e-book completo com todas as dicas para ter um pet shop de sucesso:

Dicas de para montar um pet shop de sucessos
evellyn

Esse comentário possui 0 respostas

Deixe um comentário

Você pode utilizar esses códigos HTML ou esses atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>